Literárias [5]

IR CONTRA UMA MARÉ

Lutei toda a minha vida contra a tendência ao devaneio,sempre sem jamais deixar que ele me levasse até as últimas águas.Mas o esforço de nadar contra a doce corrente tira parte de minha força vital.E, se lutando contra o devaneio ganho no domínio da ação,perco interiormente uma coisa muito suave de se ser e que nada substitui.Mas um dia ainda hei de ir, sem me importar para onde o ir me levará.

Clarice Lispector


One Response to Literárias [5]

  1. "Embora ninguém possa voltar atrás e fazer um novo começo, qualquer um pode começar agora e fazer um novo fim."(Chico Xavier)

    ResponderExcluir